|

Família autoriza doação de órgãos de tenente assassinado em fuga de presidiários em JP

A assessoria de comunicação da Polícia Militar (PM) confirmou a informação da doação dos órgãos do tenente assassinado durante a fuga de quase 100 presidiários da penitenciária PB1, em João Pessoa.
O tenente Erivaldo Moneta da Silva de 33 anos foi baleado na cabeça após um ataque em frente à Academia de Polícia Civil (Acadepol) nessa segunda-feira (10). O policial foi socorrido para o Hospital de Trauma da capital, mas não resistiu aos ferimentos. Por volta das 11h30, o boletim médico da unidade informou a morte do oficial.
O corpo foi velado ainda na segunda-feira na Mortuária Rosa de Saron, no bairro de Jaguaribe, em João Pessoa e, em seguida, levado para o bairro Santo Amaro, em Recife, onde também será velado e sepultado nesta terça-feira (11).

Compartilhe :

veja também

0 comentários Em: "Família autoriza doação de órgãos de tenente assassinado em fuga de presidiários em JP"

Deixe um comentário!

Atenção: Não escreva pornografia ou ofensa pessoal.

Faça seu orçamento sem compromisso!
Faça parte desta campanha! Publicidade how to make gifs Publicidade how to make gifs Publicidade how to make gifs

últimas notícias