|

Cinco barragens da região do Brejo já estão sangrando, informa Cagepa

O mês de junho teve início com uma notícia positiva para abastecimento de água na região polarizada por Guarabira, sede da Gerência Regional do Brejo da Cagepa. De acordo com balanço hídrico divulgado essa semana, dos açudes monitorados pela Cagepa no Brejo, cinco deles já estão sangrando, garantindo água para os municípios até dezembro do próximo ano.
Embora haja situações favoráveis no abastecimento de água para a maioria das cidades da região, ainda existe o contraste com municípios em colapso no abastecimento, sendo atendidos por carros pipa.
Barragens sangrando e municípios atendidos
São Salvador – capacidade de acumular 12,6 milhões de metros cúbicos de água e está sangrando. Abastece Sapé, Sobrado, Mari, Mulungu, Gurinhém e Cajá/Caldas Brandão.
Araçagi – capacidade de acumular 63,2 milhões metros cúbicos de água e está sangrando. Abastece Guarabira, Araçagi e Pilõezinhos.
Brejinho – tem capacidade de armazenar 789 mil metros cúbicos de água. Abastece a cidade de Juarez Távora.
Pitombeira – capacidade de acumular 2,9 milhões de metros cúbicos de água. Abastece o município de Alagoa Grande.
Olho D’água – localizada na cidade de Mari, tem capacidade de armazenar 868 mil metros cúbicos de água, está sangrando, mas fora de operação.
Colapso
Dois municípios da região estão em colapso no abastecimento desde o final de junho do ano passado. Os municípios de Dona Inês e Riachão, são abastecidos pela barragem de Jandaia, mas o manancial secou e mesmo com as chuvas caídas em 2018 ainda não oferece condições de iniciar a operação do sistema.

Compartilhe :

veja também

0 comentários Em: "Cinco barragens da região do Brejo já estão sangrando, informa Cagepa"

Deixe um comentário!

Atenção: Não escreva pornografia ou ofensa pessoal.

Faça seu orçamento sem compromisso!
Faça parte desta campanha! Publicidade how to make gifs Publicidade how to make gifs Publicidade how to make gifs

últimas notícias