|

Fossas abertas e corpos em decomposição são encontrados durante inspeção no IML, em João Pessoa

Em inspeção na tarde desta sexta-feira (2), o Ministério Público do Trabalho (MPT-PB) encontrou diversas irregularidades nas instalações do Instituto de Polícia Científica (IPC) de João Pessoa, no bairro do Cristo, dentre as quais fossas abertas, ausência de equipamentos adequados e corpos em estado avançado de decomposição.
A ação foi realizada após uma denúncia formalizada pelo Sindicato dos Peritos Oficiais da Paraíba (Sindperitos-PB), que identificou a precariedade nas condições de trabalho dos funcionários do local.
O procurador do trabalho Eduardo Varandas foi quem comandou a inspeção, e relatou que os peritos e médicos do IPC vêm sofrendo com problemas de saúde em função da estrutura ruim, dando o exemplo da sala de necrópsia do instituto, a qual possui uma vala aberta para onde escorrem líquidos e sangue dos cadáveres.
Para o Sindperitos-PB, a principal responsável pela situação observada é a ausência de orçamento próprio e escassez de recursos financeiros destinado ao instituto. Eles ainda reivindicam direitos trabalhistas, como o adicional por acumulação de unidades, além da falta de material para atender os locais de crime, o não pagamento de diárias e a ausência de segurança nas instalações, por exemplo.
Após a ação desta tarde, ficou definida uma reunião entre o procurador Eduardo Varandas e auditores do trabalho na próxima segunda-feira (5), para que sejam articulados os próximos procedimentos com relação a todas as irregularidades atestadas.

Compartilhe :

veja também

0 comentários Em: "Fossas abertas e corpos em decomposição são encontrados durante inspeção no IML, em João Pessoa"

Deixe um comentário!

Atenção: Não escreva pornografia ou ofensa pessoal.

Faça seu orçamento sem compromisso!
Faça parte desta campanha! Publicidade how to make gifs Publicidade how to make gifs Publicidade how to make gifs

últimas notícias