|

Corpo de estudante desaparecida é encontrado; namorado confessa

Será sepultado neste domingo (24), no Cemitério de Paulista, em Pernambuco, o corpo de Remís Carla Costa. A estudante de pedagogia tinha 24 anos e foi encontrada morta neste sábado (23), uma semana após ter sido dada como desaparecida pela família. Em avançado estado de decomposição, o cadáver estava parcialmente enterrado em um terreno baldio no bairro da Caxangá, próximo ao apartamento em que Remís morava com o namorado, Paulo César de Oliveira Silva, de 25 anos. O pedreiro foi preso em flagrante e confessou o crime.
Silva foi detido pela Polícia Civil de Pernambuco (PCPE) em Vicência, na Zona da Mata Norte, e levado ao Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), no Recife. Agentes do pelo Grupo de Operações Especiais (GOE) encontraram o corpo de Remís após denúncia anônima. Detalhes do crime serão revelados, neste domingo, pelo Chefe da Polícia Civil, o delegado Joselito Kehrle.
Apesar de ter sido a última pessoa a ser vista com a universitária, Paulo César era tratado como testemunha do caso até este sábado (23) e chegou a ser defendido pela família de Remís. "Até o desaparecimento, ele parecia um ótimo rapaz. Trabalhador, solícito, gentil, prestativo e eu tinha a impressão que ele apoiava Remís em tudo, que cuidava dela bem. Não tenho do que falar dele", contou a irmã da estudante, Juliette Costa, ao jornal Folha de Pernambuco.
Em postagem no Facebook, o pedreiro compartilhava a foto da namorada, pedindo que as pessoas ajudassem a encontrá-la. Desde que confessou o crime, a página de Paulo César é atacada com mensagens de revolta e até ódio.
AG1 Com Notícias ao Minuto

Compartilhe :

veja também

0 comentários Em: "Corpo de estudante desaparecida é encontrado; namorado confessa"

Deixe um comentário!

Atenção: Não escreva pornografia ou ofensa pessoal.

Faça seu orçamento sem compromisso!
Faça parte desta campanha! Publicidade how to make gifs Publicidade how to make gifs Publicidade how to make gifs

últimas notícias