|

Comandante do 3º Batalhão, no Méier, morre após ser baleado

O comandante do 3º Batalhão da Polícia Militar, no Méier, Coronel Luiz Gustavo Lima Teixeira, morreu após ser baleado em um confronto com criminosos. Ele foi levado para o Hospital Salgado Filho, onde passou por uma cirurgia, mas não resistiu. Coronel Teixeira foi baleado na Rua Hermengarda, na altura do Lins de Vasconcelos. Ele estava em um carro descaracterizado quando foi atingido.
O comandante do 3° BPM é o 111° policial militar morto neste anoVeja quem são, onde e como morreram os policiais assassinados em 2017.
Segundo a polícia, o carro que vinha na frente dele parou no meio da via e os bandidos desembarcaram pra iniciar um arrastão, houve troca de tiros e o oficial foi atingido por um tiro de fuzil no rosto.
O motorista do veículo em que estava o coronel foi atingido na perna, mas não corre risco de morrer. A Polícia Militar considera que o PM sofreu um atentado. Ele teria sido alvejado com 17 disparos.

O coronel tinha 48 anos, estava há 26 na PM e à frente do 3° Batalhão do Méier há quase dois anos. Ele deixa esposa e dois filhos.
Rua próxima ao local do crime (Foto: Henrique Coelho/G1)
Coronel Luiz Gustavo Teixeira morreu após ser baleado em um confronto (Foto: Divulgação/PMRJ )

Compartilhe :

veja também

0 comentários Em: "Comandante do 3º Batalhão, no Méier, morre após ser baleado "

Deixe um comentário!

Atenção: Não escreva pornografia ou ofensa pessoal.

Faça seu orçamento sem compromisso!
Faça parte desta campanha! Publicidade how to make gifs Publicidade how to make gifs Publicidade how to make gifs

últimas notícias