|

Temer autorizou JBS a repassar R$ 3 milhões a Cunha, diz revista

O presidente Michel Temer teria autorizado a JBS a dar R$ 3 milhões em dinheiro vivo ao deputado cassado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) para "fortalecer o partido".

A informação consta na delação do lobista do grupo, Ricardo Saud, de acordo com informações da revista Época.

O montante faria parte do crédito de R$ 15 milhões destinado a Temer nas eleições de 2014.

Temer e Saud fizeram o acordo durante encontro no escritório do peemedebista na Praça Pan-Americana, em São Paulo.



A empresa, então, descontou o montante do saldo de R$ 15 milhões destinado a Temer. Saud consultou o deputado sobre a forma de pagamento dos R$ 3 milhões. O parlamentar pediu à JBS que pagasse em dinheiro vivo.

Para evitar erros, Saud procurou Temer pessoalmente em busca de uma autorização do vice-presidente. “Pode fazer”, disse Temer, de acordo com o relato de Saud. O pagamento ficou registrado com a sigla "MT" na planilha de propina da companhia, segundo o lobista.

POR NOTÍCIAS AO MINUTO

Compartilhe :

veja também

0 comentários Em: "Temer autorizou JBS a repassar R$ 3 milhões a Cunha, diz revista"

Deixe um comentário!

Atenção: Não escreva pornografia ou ofensa pessoal.

Faça seu orçamento sem compromisso!
Faça parte desta campanha! Publicidade how to make gifs Publicidade how to make gifs Publicidade how to make gifs

últimas notícias